Secretaria de Educação de Gurupi manifesta após servidores de duas escolas testarem positivos para Covid-19 - Atitude Tocantins
Secretaria de Educação de Gurupi manifesta após servidores de duas escolas testarem positivos para Covid-19
Destaques Gurupi (TO)

Secretaria de Educação de Gurupi manifesta após servidores de duas escolas testarem positivos para Covid-19

Segundo a Secretaria, os Diretores das unidades escolares em que houve servidores que testaram positivo para COVID-19, já receberam as orientações relacionadas ao protocolo de saúde, por meio da vigilância epidemiológica de Gurupi.

Por Régis Caio

Segundo noticiado pelo Portal Atitude, duas servidoras das escolas municipais Gilberto Resende e Orlindo Pereira testaram positivo para covid-19 e as aulas remotas nessas unidades foram suspensas.

Por meio de nota, a Secretaria Municipal de Educação informou que antes do retorno dos servidores para as atividades escolares, fez todas as orientações necessárias quanto aos procedimentos de segurança sanitária, para evitar a contaminação pela COVID -19 e que se solidariza com as servidoras diagnosticadas.

Confira a Nota de Esclarecimento à Imprensa

É importante esclarecer que a Secretaria Municipal de Educação, antes do retorno dos servidores para as atividades escolares, fez todas as orientações necessárias quanto aos procedimentos de segurança sanitária, para evitar a contaminação pela COVID -19, bem como, organizou os ambiente e solicitou aos gestores que não adotassem medidas que pudessem levar à aglomeração sem o respeito ao distanciamento mínimo exigido, inclusive, foi informado que a escola iria organizar o horário de trabalho e a distribuição dos servidores em regime de escala para garantir esse distanciamento.

Todas as escolas foram dotadas de equipamento e material necessário para que o professor pudesse organizar e ministrar a sua aula, sozinho em uma sala de aula que na sua grande maioria mede 38 m², é importante informar que em média, a grande maioria das escolas possuem mais de 1000 m² de área construída, portanto, há nas unidades, espaços físicos suficientes, para organizar o trabalho sem necessidade de aglomeração.

A informação dos servidores da escola ficou sob a responsabilidade da equipe diretiva de cada escola organizar, e poderiam inclusive fazê-las de forma remota, no entanto, não há nenhum impedimento que ela fosse feita presencial na escola, desde que respeitada a regra de distanciamento e a utilização de máscaras, álcool em gel e a higienização das mãos, conforme protocolo de sanitário de saúde.

É fato que todos nós estamos suscetíveis a contaminação pelo COVID -19, isso ocorre quando vamos ao mercado, quando vamos ao banco, quando vamos a farmácia, quando buscamos fazer alguma atividade física ou de lazer, quando saímos à rua por qualquer razão, mas, sobretudo, quando nos descuidamos dos protocolos na realização de qualquer dessas atividades, assim como, no ambiente de trabalho educacional, ambiente este, em que se tomarmos os cuidados e seguirmos o protocolo de saúde, o risco de contaminação é infinitamente menor que em todo os outros ambientes citados.

Solidarizamos com os servidores que se contaminaram com o vírus e fazemos todos os votos de pronta recuperação e que sua saúde possa reestabelecer rapidamente.

Entendemos que comparando a data em que alguns servidores retornaram às atividades na escola, a possibilidade de que a contaminação desses servidores tenha ocorrido nas escolas é muito pequena, no entanto, o que interessa agora e adotarmos as medidas que são estabelecidas pelas autoridades de saúde, quando há algum caso de contaminação.

Os Diretores das unidades escolares em que houve servidores que testaram positivo para COVID-19, já receberam as orientações relacionadas ao protocolo de saúde, por meio da vigilância epidemiológica de Gurupi, assim como, foram orientados pela Secretaria de Educação a suspender todas as atividades nas respectivas escolas, para desinfecção e que os demais servidores que tiveram contato com o servidor contaminado, monitore a ocorrência de sintoma, para procurar as unidades de saúde e fazer o exame.

A Secretaria Municipal de Educação adotou todos os cuidados e os procedimentos legais, cabíveis no prosseguimento da implantação da proposta e no encaminhamento relativo ao trabalho dos servidores, buscando respeitar o Decreto Administrativo que estabeleceu as regras sobre os cuidados sanitários, organização do trabalho e da distribuição dos servidores.

É importante esclarecer que 01 servidora da Escola Gilberto Rezende e Outra da Escola Orlindo Pereira, testaram positivo para COVID e não há nenhum outro caso identificado na rede de ensino até esse momento.

Deixe Sua Opinião Ela é Importante Para Nós

Tags

Sobre o Autor

Atitude Tocantins

Ao desenvolvermos as seções de Agronegócio, Cidades, Opinião, Social, Cultura, Educação e Esporte, Meio Ambiente e Política procuramos atender a necessidade do público em ser informado sobre os acontecimentos locais, regionais ou próximos à comunidade.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *