Adailton Fonseca poderá sair como vice de Márlon Reis - Atitude Tocantins
Adailton Fonseca poderá sair como vice de Márlon Reis
Destaques Notícias Política Tocantins

Adailton Fonseca poderá sair como vice de Márlon Reis

Adailton Fonseca poderá sair como vice de Márlon Reis
Avalie esse post

Nos bastidores o nome empresário e presidente da Associação Comercial e Industrial de Gurupi (ACIG), Adailton Fonseca (PRTB) está sendo trabalhado como pré-candidato a vice-governador na chapa de Márlon Reis (REDE).

por Wesley Silas


As lideranças da região sul do Tocantins nunca foram tão valorizadas para compor as chapas majoritária na história das eleições ao governo do Tocantins. Após a eleição de Mauro Carlesse (PHS) ao governo do Tocantins, outras lideranças indicam dividir os palanques em Gurupi. Os principais nomes são o do empresário Oswaldo Stival Júnior (PSDB), cogitado a ser o vice de Carlos Amastha (PSB) e agora entrou no cenário eleitoral o nome do empresário e presidente da ACIG, Adailton Fonseca que está sendo trabalhado para sair como vice na chapa de Márlon Reis (REDE). Não é segredo que o principal plano político de Adailton Fonseca (PRTB), além de compor a frente alternativa junto com a REDE, tem como principal meta disputar prefeitura de Gurupi nas eleições de 2020 e agora, com o seu nome indicado a vice na chapa de Márlon Reis, o colocará ainda mais em evidência no cenário, não só estadual, mas em Gurupi. 

Márlon Reis, Coronel Edvan e Nilmar Ruiz com a família Fonseca.

Imbróglio

No entanto, conforme bastidores existe, há uma luta de braço entre os grupos de Amastha e Márlon  Reis para que um dos dois transfira a candidatura ao governo na disputa ao senado; mas, até então, como diz o ditado popular, nenhum quer  “dar o braço a torcer”. Da mesma forma acontece na garimpagem em busca de apoio do PSDB que encontra-se dividido entre apoiar as candidaturas de Amastha e Mauro Carlesse, ou lançar o nome do senador Ataídes ao Governo Estadual. Na parte de Amastha, os tucanos receberam propostas de garantia da vaga de vice, no caso destinada ao empresário Oswaldo Stival e uma vaga ao senado à reeleição do senador Ataídes Oliveira. Enquanto a carruagem anda no sentido das convenções partidárias que deverão ocorrer entre os dias 20 de julho a 05 de agosto, há várias pedras no meio do caminho, dentre elas os 24 prefeitos tucanos que não arredam de apoiarem a reeleição do governador Mauro Carlesse (PHS), assim como os dois deputados estaduais da sigla, Olintho Neto e a presidente da Assembleia Legislativa Luana Ribeiro.  

Deixe Sua Opinião Ela é Importante Para Nós

Tags

Sobre o Autor

Atitude Tocantins

Ao desenvolvermos as seções de Agronegócio, Cidades, Opinião, Social, Cultura, Educação e Esporte, Meio Ambiente e Política procuramos atender a necessidade do público em ser informado sobre os acontecimentos locais, regionais ou próximos à comunidade.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *