“Trabalho coroado com título, Palmas é exemplo de modelo de gestão que deixou de lado dependência política”, celebra Amastha - Atitude Tocantins
“Trabalho coroado com título, Palmas é exemplo de modelo de gestão que deixou de lado dependência política”, celebra Amastha
Destaques Esporte Futebol Notícias

“Trabalho coroado com título, Palmas é exemplo de modelo de gestão que deixou de lado dependência política”, celebra Amastha

Ao parabenizar o Palmas Futebol e Regatas pelo título de hexacampeão tocantinense de 2018, o ex-prefeito de Palmas, Carlos Amastha, ressaltou a importância do modelo de gestão da equipe, coroada com a vitória por 2 a 1 contra o Gurupi nessa quarta-feira, dia 21, no estádio Nilton Santos. “É a vitória do trabalho sério, da mudança de paradigma. Quando assumimos a prefeitura o Palmas era totalmente dependente do poder público e de parlamentares. Não tinha independência, não tinha um modelo de gestão sério, profissional. A transformação iniciada foi coroada com esse título”, afirmou o ex-chefe do Executivo municipal da capital.

por Redação


Amastha vibrou com a vitória na final e se emocionou com o estádio Nilton Santos com um público de mais de 4 mil pessoas. “Parabéns, Palmas…É a vitória do trabalho bem feito”, disse, emocionado, ainda no gramado do estádio Nilton Santos logo após a partida, em meio a um abraço e outro de membros da delegação da equipe.

A MUDANÇA

Amastha lembrou nesta quinta-feira, dia 21, que o Palmas Futebol e Regatas antes era um time que “vivia pendurado” em políticos. “Era uma coisa triste. Os dirigentes viviam pedindo ajuda a políticos para manter o time. O time chegou a ser rebaixado e aquilo me incomodava. Cabe ao poder público proporcionar condições e implementar políticas públicas para o esporte de base, aos jovens e atuar como propulsor de outras atividades”, disse.

Amastha ressaltou que, como prefeito, ao ver a situação, deu início a uma transição no modelo de tratar o futebol profissional na capital. “O que fizemos? Foi uma transição. À medida que fomos retirando o dinheiro público para o futebol profissional, demos início ao trabalho de dar ao Palmas condição para que a iniciativa privada, o empresariado, acreditasse que é possível desenvolver um trabalho sério”, comentou.

No primeiro ano, lembra Amastha, ele como empresário investiu seu dinheiro na equipe, algo em torno de R$ 70 mil. “Precisávamos dar esse pontapé para que outros viessem conosco. E isso foi feito de forma gradativa até sermos coroados com essa vitória maravilhosa, que enche a todos de orgulho.”

Amastha fez questão de parabenizar o presidente do clube, Lucas Meira, que adotou o modelo de futebol empresa no Palmas. “Um trabalho importante, que coloca Palmas no cenário nacional de destaque do futebol brasileiro. Agora, vamos estruturar ainda mais, fortalecer o trabalho para defender o título no ano que vem e representar muitíssimo bem a nossa Palmas na Copa do Brasil de 2019”, finalizou.

Deixe Sua Opinião Ela é Importante Para Nós

Tags

Sobre o Autor

Atitude Tocantins

Ao desenvolvermos as seções de Agronegócio, Cidades, Opinião, Social, Cultura, Educação e Esporte, Meio Ambiente e Política procuramos atender a necessidade do público em ser informado sobre os acontecimentos locais, regionais ou próximos à comunidade.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *