Tocantins alcança segundo lugar no ranking de monitoramento da Agência Nacional de Águas - Atitude Tocantins
Tocantins alcança segundo lugar no ranking de monitoramento da Agência Nacional de Águas
Destaques Estado Meio Ambiente Notícias

Tocantins alcança segundo lugar no ranking de monitoramento da Agência Nacional de Águas

Essa classificação habilita o Estado a receber 100% do valor da verba destinada a manter a rede de monitoramento funcionando

por Robson Corrêa

A Agência Nacional de Águas (ANA) divulgou nesta terça-feira, 07, o relatório com a classificação dos estados no monitoramento hidrometeorológico de 2019. O Tocantins conseguiu alcançar a segunda posição no ranking cumprindo 94 dos 100 pontos propostos como meta pela ANA.

Segundo o diretor de Planejamento e Gestão de Recursos Hídricos da Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh), Aldo Azevedo “esse resultado é a prova do esforço da equipe que mesmo com as adversidades conseguiu focar no trabalho e cumprir quase a totalidade das metas estipuladas”. O diretor ainda ressalta que “apesar de ser um estado novo com uma estrutura pequena, o Tocantins vem conseguindo mostrar eficiência no monitoramento, ficando sempre nas primeiras colocações no ranking da ANA”.

Para cada Estado, foi o obtido o Índice de Transmissão e Disponibilidade de dados hidrológicos (ITD) relativo ao período de janeiro a dezembro de 2019, de um conjunto de estações selecionadas pelo Estado para a composição de sua respectiva Rede de Alerta. Após a emissão do relatório, é calculada a média anual, a partir da média mensal indicada no relatório das estações telemétricas da Rede de Alerta.

Atualmente o Tocantins conta com 14 estações que fazem parte da rede de monitoramento, as Plataformas de Coletas de Dados (PCD’s), que monitoram dados de chuvas e vazão dos rios. O Estado também possui mais 34 estações que não fazem parte da rede de alerta, mas que estão no boletim da sala de situação da Semarh.

A ANA inicialmente estipula as metas a serem atingidas, e com base na certificação da equipe técnica da agência é realizada a análise dos índices. Os Estados que alcançam acima de 80% da meta se classificam e estão habilitados a receber 100% dos recursos do Programa de Consolidação do Pacto Nacional pela Gestão das Águas (Progestão).

Progestão

O Progestão é um programa de incentivo financeiro aos sistemas estaduais para aplicação exclusiva em ações de fortalecimento institucional e de gerenciamento de recursos hídricos, mediante o alcance de metas definidas. O Tocantins aderiu ao Progestão via Decreto nº 4.915, de 22 de outubro de 2013, o qual definiu como entidade coordenadora do Programa no Estado a Semarh.

Deixe Sua Opinião Ela é Importante Para Nós

Tags

Sobre o Autor

Atitude Tocantins

Ao desenvolvermos as seções de Agronegócio, Cidades, Opinião, Social, Cultura, Educação e Esporte, Meio Ambiente e Política procuramos atender a necessidade do público em ser informado sobre os acontecimentos locais, regionais ou próximos à comunidade.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *