Supermercados de Gurupi poderão receber apenas 8 pessoas por 100m² - Atitude Tocantins
Supermercados de Gurupi poderão receber apenas 8 pessoas por 100m²
Cidades Destaques Gurupi (TO) Notícias Saúde

Supermercados de Gurupi poderão receber apenas 8 pessoas por 100m²

O crescimento de novos casos da Covid-19 em Gurupi provocou mais uma alteração no atendimento aos supermercados para evitar aglomerações neste momento em que a cidade contabiliza 866 pessoas contaminadas e em tratamento e totaliza 1.526 casos confirmados e 17 óbitos. Mesmo assim muitas pessoas não estão respeitando o decreto e continuam circulando em praças e academias ao livre.

por Wesley Silas

O novo decreto usa o mesmo parâmetro do Portugal (veja aqui) ao estabelecer lotação máxima no interior do estabelecimento de 8 pessoas a cada 100 metros quadrados, calculado sobre a área do estabelecimento.

Ainda conforme o artigo 18, ficou permitido o funcionamento até as 24h (meia noite) de segunda às sextas-feiras, e aos sábados e domingos, manter horário já praticados pelo estabelecimento.

Falta consciência

Desde o dia 09 de agosto estão proibidos em Gurupi a abertura de Feiras livres (Ruas 7 e Rua 13), Igrejas, bares, lojas de conveniências (não instaladas em postos de combustíveis). O mesmo artigo do Decreto 844 suspende velórios – por mais de 2 (duas) horas, devendo o mesmo ser realizado no cemitério onde for acontecer o sepultamento, com a participação apenas de familiares e veda a circulação de pessoas em locais ou espaços públicos, tais como: praças, calçadões, academias ao ar livre, centros esportivos públicos, salvo quando em deslocamentos imprescindíveis para acessar as atividades essenciais. Conforme mostra a imagem abaixo, em algumas praças as aglomerações de pessoas continuam, contrariando o Decreto e as recomendações do Comitê Gestor de prevenção ao coronavírus.

“O momento não é para festividades, confraternizações, encontro de amigos e familiares, visitas, viagens, pois a atual situação exige que o isolamento social seja prioridade. Quanto menos contato com outras pessoas, menor é a chance de ser infectado pelo coronavírus. Dessa forma o cidadão irá proteger tanto seus familiares quanto outras pessoas e evitar a propagação do vírus”, recomendou.

Confira aqui a íntegra do Decreto.

Deixe Sua Opinião Ela é Importante Para Nós