Polícia Militar deflagra operação Gurupi Contra o Crime” - Atitude Tocantins
Polícia Militar deflagra operação Gurupi Contra o Crime”
Cidades Destaques Gurupi (TO) Notícias Polícia

Polícia Militar deflagra operação Gurupi Contra o Crime”

Policiais militares do serviço administrativo e operacional do 4º BPM, Policiais Civis da regional de Gurupi, Juizado da Infância e Juventude, Conselho Tutelar, Departamento Municipal de Trânsito e Transporte – SMT e Departamento Municipal de Posturas participam das intervenções.

Segundo a Polícia Militar, o objetivo da operação é promover o policiamento ostensivo e preventivo a pé e motorizado em áreas comerciais, residenciais, abordagens (pessoas, veículos, instalações), com a finalidade de intensificar a presença da Polícia Militar nos centros urbanos, transmitindo à população um aumento da sensação de segurança e a diminuição dos números de ocorrências, bem como fortalecer a integração entre as instituições envolvidas com foco em garantir à sociedade maior eficiência nos atendimentos necessários, relacionados à segurança pública.

Durante a operação foram abordados 115 veículos e 245 pessoas, que resultaram na lavratura de 10 autuações por infrações de trânsito e remoção de 07 veículos.

operação integrada 3Na mesma ocasião, as policiais militares e civis cumpriram 11 Mandados Judiciais, os quais culminaram na prisão de 16 pessoas e apreensão de 335g de substância entorpecente análoga à maconha, 70g análoga à cocaína e 20g análoga ao crack, 01 munição cal. 38, além de R$ 1.035,00 reais em dinheiro e produtos eletroeletrônicos.

Ainda, enquanto a PM realizava intervenções no período noturno, os militares apreenderam 01 revólver cal. 38 e 05 munições de mesmo calibre. As pessoas presas, as armas, drogas e objetos apreendidos foram apresentados na Delegacia Central de Flagrantes para as devidas providências.

“O que se vislumbra com a atuação conjunta desses órgãos, é que ela promova efetiva garantia de tranquilidade e segurança à comunidade gurupiense, através da prevenção de eventuais riscos à integridade física e moral de crianças e adolescentes expostos à situações de vulnerabilidade, e, acima de tudo, garantia da melhoria da qualidade de vida de todos”, declarou o Maj QOPM Cândido Marques Soares Júnior, Subcomandante do 4º BPM.

Deixe Sua Opinião Ela é Importante Para Nós