Pai de vítima de acidentado em tira entulho agradece atendimento recebido no HRG e cobra regulamentação do segmento - Atitude Tocantins
Pai de vítima de acidentado em tira entulho agradece atendimento recebido no HRG e cobra regulamentação do segmento
Cidades Destaques Gurupi (TO) Notícias

Pai de vítima de acidentado em tira entulho agradece atendimento recebido no HRG e cobra regulamentação do segmento

Pai de vítima de acidentado em tira entulho agradece atendimento recebido no HRG e cobra regulamentação do segmento
5 (100%) 1 vote

O acidente envolvendo o estudante universitário, Paulo Alexandre Rodrigues Pereira, 21 anos, aconteceu às 21h:31min. do dia 02 de agosto na Rua C, no setor Waldir Lins II. O advogado, Sebastião Justino Pereira, pai da vítima, agradeceu o atendimento que seu filho está recebendo no Hospital Regional de Gurupi e cobrou a adoção de medidas, por meio de uma Lei municipal para regulamentar os serviços de Tira Entulho.

por Wesley Silas

Desde que foi acidentado Paulo Alexandre encontra-se em coma induzido na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e, segundo o seu pai, Sebastião Justino, neste sábado, 10, a equipe médica do Hospital Regional de Gurupi deverá começar a retirar a sedação. Com o impacto, o estudante teve ferimentos na região do abdome, teve exposição das vísceras e lesões no fígado, baço, diafragma e três costelas quebradas.

O caso levou o advogado Sebastião Justino a começar uma campanha na redes sociais para chamar a atenção para a regulamentação do Tira Entulho espalhados em várias ruas e avenidas de Gurupi, praticamente sem fiscalização e muito deles colocados no sentido transversal de maneira irregular sem aparecer as faixas refletivas ou escondidos debaixo de árvores, a exemplo do que causou o acidente envolvendo o seu filho.     

Tira entulho na transversal sem visão de faixas refletivas registrado neste sábado em uma Avenida de Gurupi. Além da posição incorreta estava debaixo de uma árvore.

“Estou penando em ir na Câmara Municipal fazer uma reclamação para criar um Projeto de Lei para regulamentar o serviço de Tira Entulho em Gurupi porque isso está sendo um assassinato à população de Gurupi. Este departamento da infraestrutura é muito grande para uma pessoa só pois tem que cuidas da pavimentação, da limpeza e outras coisas. Tem caso de donos de caçambas de tira entulho que colocam e depois não volta, não sabe quando ficará cheio e não atendem o telefone. Tem amadores tomando conta deste trem ai, enquanto a população fica penalizada”, disse o advogado ao Portal Atitude.

Em sua rede sociais ele tem divulgado imagens de Tira Entulho espalhados pelas Ruas e Avenidas da cidade com comentários sobre supostas irregularidades. Ele também agradeceu e equipe médica, em especial a que realizou a cirurgia do seu filho, liderada pela médica Yoshana Neves, assim como todos os profissionais, dentre eles os plantonistas como a neurologista Dra. Mônica.

“É uma pena porque o meu filho vai ficar mais de 30 dias, sendo que ele faz faculdade. E ai? Eu não vou entrar com medidas judicial porque não adianta”, disse Sebastião ao Portal Atitude.  

Falta de normatização 

Em recente questionamento feito pela reportagem do Portal Atitude, o Departamento de Posturas da Prefeitura de Gurupi informou que existe, apenas, um acordo entre a Prefeitura e proprietários das caçambas de tira entulho. “Os contêineres de tira entulho tem um prazo de 72 horas para permanecer na via, todos devem ser pintados nas cores: branco ou laranja, possuir faixas refletivas, identificação da empresa e precisam ser posicionados no sentido da guia (meio fio), com o máximo de afastamento de 30 centímetros do meio fio e distância mínima de 10 metros dos cruzamentos”.

Casos

caso do motociclista Paulo Alexandre fez relembrar outras vítimas que, infelizmente não resistiram a acidentes envolvendo caçambas de entulho, como aconteceu em janeiro de 2016 quando Aurismar Araújo dos Santos faleceu em acidente após sua moto bater em um Tira Entulho e o comovente caso da morte da jovem Raynara Almeida que faleceu em circunstancias parecidas em setembro de 2016, quando ela bateu a sua moto em um tira entulho que estava na Rua 6 entre as Avenidas Brasília e Rio Grande do Norte.

 

Deixe Sua Opinião Ela é Importante Para Nós

Tags

Sobre o Autor

Atitude Tocantins

Ao desenvolvermos as seções de Agronegócio, Cidades, Opinião, Social, Cultura, Educação e Esporte, Meio Ambiente e Política procuramos atender a necessidade do público em ser informado sobre os acontecimentos locais, regionais ou próximos à comunidade.