Imagens da Semana: Rio Formoso seco e emas próximas ao Centro de Gurupi - Atitude Tocantins
Imagens da Semana: Rio Formoso seco e emas próximas ao Centro de Gurupi
Cidades Destaques Estado Formoso Gurupi (TO) Meio Ambiente Notícias

Imagens da Semana: Rio Formoso seco e emas próximas ao Centro de Gurupi

Imagens da Semana: Rio Formoso seco e emas próximas ao Centro de Gurupi
Avalie esse post

Animais silvestres próximos ao Centro de Gurupi e, em pleno mês de junho, internauta denuncia bombeamento  de água para o projeto Rio Formoso que deixaram o leito do Rio Formoso com imagens de deserto. Confirma as imagens: 


por Wesley Silas

O aumento da área plantada de soja no Tocantins que passou de 800 mil para 850 mil hectares, não refletiu no aumento da produção na última safra. Segundo dados de órgãos oficiais, a diminuição da produtividade foi causada pela falta de chuva.

Emas 1
Foto: Liliane Melo

Na região de Formoso do Araguaia o problema agrava com as dragas dos projetos de irrigação que já sugaram, praticamente toda água do Rio Formoso, conforme mostra Didair Braz no vídeo abaixo, que segundo ele foi gravado há 15 dias. 

“Para a galera que fala que o Rio das Almas não tem água que o pessoal está bombeando toda água para bacanas lá em Ceres e Rialma para lá. Estamos aqui no Rio Formoso  e agora vocês imaginam que pouco acima tem uma bombas bombeando água para aguar o projeto do Formoso. Então, eu acho que alguém tem que tomar uma providência para ver o que acontece. Está certo que nós precisamos de alimentos”, disse.

Ao Portal Atitude, Didair Braz informou que todos os anos ele se deslocava da cidade de Goianésia (GO) para passear de barco e curtir a natureza no Rio Formoso, e, em julho de 2014 foi o último ano que ele conseguiu passear no rio.   “Gosto muito de ver as aves silvestres, mas, infelizmente acabou e não sei nem para onde foram os jacarés. Agora deve ter água apenas no mês de abril ou maio. Quando for em agosto deverá está muito triste”, disse.

Gurupi

Já em Gurupi a fisioterapeuta, Liliane Melo, fotografou no dia 20 de junho algumas emas no setor Boulevard Gurupi e nesta quinta-feira, 23, ela conseguiu filmar algumas emas, na Avenida Goiás, próximo ao Centro da Cidade.

“A sensação que tive foi de tristeza por ver que os animais silvestres estão perdendo seu espaço, uma vez que o crescimento da cidade vem invadindo o habitat natural deles, triste ver as coitadas comendo lixo. Além do medo de que elas possam ir para o meio da rua e causem um acidente que seria muito grave devido o tamanho delas”, disse Liliane, que também faz parte da Associação de proteção dos animais Pelos e Apelos.

Leia também:


Lavouras, rebanhos e indústria frigorífica são prejudicados com a falta de chuva na região Sul do Tocantins 

Água: Um mês de chuva foi o suficiente, mas é preciso consciência 

Onça é encontrada morta na zona urbana de Gurupi

 

Deixe Sua Opinião Ela é Importante Para Nós

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *