História | Milionário maringaense disputa patrimônio no Tocantins com seus filhos - Atitude Tocantins
História | Milionário maringaense disputa patrimônio no Tocantins com seus filhos
Comportamento Destaques Economia Estado Notícias

História | Milionário maringaense disputa patrimônio no Tocantins com seus filhos

História | Milionário maringaense disputa patrimônio no Tocantins com seus filhos
Avalie esse post

Apegado a um veículo ford Del Rey que nos anos 80 foi considerado como um dos sedã de luxo, a história do milionário maringaense Juarez Arantes, 77 anos, tem sido nos últimos anos destaque em vários jornais do Paraná que o tratam como “um milionário excêntrico e pão duro”. Ele terá uma das suas propriedade em Sandolândia no Tocantins de 3.302,37 hectares leiloada devido a devido a dívida trabalhista. 

por Wesley Silas


Segundo o jornal Maringa Post, o empresário Juarez Arantes mora há duas décadas em uma suíte de 28 m² no estado do Paraná e conforme uma fonte do Portal Atitude  ele também reside no Tocantins em um hotel na cidade de Sandolândia. “Ele tirou este Del Rey zero quilometro e tem outros dois e morou aqui na cidade em um hotel”, relatou.

“A disputa pelo poder sobre os bens da família Arantes, de Maringá, se arrasta há anos. De um lado, estão os filhos do patriarca, Marcelo Vinícius Arantes, Rosângela Cristina Arantes Calciolari, Juarez Antônio Arantes (Filho) e Haroldo Francisco Arantes. De outro, o pai e uma filha, Ana Luíza Arantes. No alvo, estão “dezenas de fazendas” no Tocantins”, escreveu o jornalista Walter Tele, no jornal Maringa Post sobre a disputa de quatro dos cinco filhos do milionário maringaense Juarez Artur Arantes quem tentam afastá-lo da gerência da Uiramutã Administração e Participação S/C Ltda, empresa que controlava “dezenas de fazendas” no Tocantins.

Juarez Arantes e seu veículo ford Del Rey em Sandolândia. Foto: Divulgação.

Segundo publicação do jornal Maringa Post veiculada em agosto de 2015, os cinco irmãos se “reuniram em Maringá e aprovaram em assembleia da Uiramutã a destituição de Juarez da gerência da empresa. O único voto a favor da permanência do pai foi o de Ana Luiza”.

“Ana Luiza passou a sofrer uma série de ameaças telefônicas, segundo ela, feitas por irmãos e outros familiares. O primeiro Boletim de Ocorrência sobre essas ameaças foi feito na delegacia de Maringá, no final de agosto [2015]. Nele, Ana Luiza diz que os familiares teriam exigido que ela votasse a favor da saída do pai e transferisse seus 19,80% para a mãe, com quem ela não tem um bom relacionamento há anos. Caso contrário, correria risco de morte”.

Ainda conforme a reportagem no dia 10 de setembro de 2015, Marcelo Vinícius Arantes foi eleito como gerente-geral da Uiramutã Administração e Participação S/C Ltda.

“Para se afastar do conflito, Ana Luiza e o atual marido seguiram para uma das fazendas do pai, em Sandolândia (TO), que, como outras propriedades rurais do empresário, não é administrada pela Uiramutã”.

Com passagem em vários jornais, dentre eles Correio Braziliense, Jornal do Brasil, Zero Hora, Gazeta do Povo, o jornalista Alexandre Gaioto, relata no artigo titulado: Muitas histórias, mas só um Juarez, publicado no jornal “O Diário do Norte do Paraná” o perfil da personagem excêntrica do milionário Juarez Arantes, com seu Del Rey ao comprar uma disputa judicial de desocupação para continuar morando na suíte 427, no 4º andar, do hotel Deville fumar no quarto.

“O juiz Fábio Bergamin Capela, da 5ª Vara Cível, concedeu liminar ao hotel, em novembro do ano passado, e estabeleceu o prazo de 15 dias para Juarez debandar de lá, com multa diária de R$ 1 mil, caso descumprisse a ordem. Determinado a todo custo a permanecer no Deville, Juarez recorreu ao Tribunal de Justiça do Paraná. Ao analisar o caso, a desembargadora Denise Kruger Pereira considerou que existe toda uma relação de anos entre o hotel e o hóspede, e suspendeu a decisão de desocupação imediata. Conclusão da noveleta? Pelo menos por enquanto, o quarto de Juarez está garantido por decisão judicial”, escreveu o jornalista em abril de 2015. Para o jornalista, Juarez Arantes é um “homem que foge dos jornalistas e raramente permite ser fotografado”.

Agora, depois de lutar para continuar fumando em um pequeno quarto de hotel,  Juarez Artur Arantes,  terá sua fazenda com 3.302ha, no loteamento Lagoão, confrontando com Rio do Fogo, localizada em Sandolândia no Tocantins, leiloada  devido a dívida trabalhista.  A fazenda foi avaliada em R$ 18 milhões e poderá ser arrematada por pouco mais de R$ 5 milhões.

 

Deixe Sua Opinião Ela é Importante Para Nós

Tags

Sobre o Autor

Atitude Tocantins

Ao desenvolvermos as seções de Agronegócio, Cidades, Opinião, Social, Cultura, Educação e Esporte, Meio Ambiente e Política procuramos atender a necessidade do público em ser informado sobre os acontecimentos locais, regionais ou próximos à comunidade.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *