Gurupi | Animais silvestre morrem e flora sofre com queimada com foco no Aterro Sanitário - Atitude Tocantins
Gurupi | Animais silvestre morrem e flora sofre com queimada com foco no Aterro Sanitário
Cidades Destaques Gurupi (TO) Meio Ambiente Notícias

Gurupi | Animais silvestre morrem e flora sofre com queimada com foco no Aterro Sanitário

Gurupi | Animais silvestre morrem e flora sofre com queimada com foco no Aterro Sanitário
Avalie esse post

Galhos de árvores retorcidos, frutos de pequi e tamanduás queimados são algumas cenas registradas em uma queimada que, segundo chacareiros, iniciou no Aterro Sanitário da cidade no último sábado, 02.

por Wesley Silas

Com probabilidade de 0% para chuvas, o clima seco com pouca umidade e quente são alguns fatores que fazem com que a vegetação se torne nesta época do ano como uma pólvora que pode entrar com combustão seja por um toco de de cigarros jogados no mato seco e perder o controle com queimadas provocadas em atividades agropecuárias, ou por uma atitude criminosa.

No caso da queimada no sábado em Gurupi, chacareiros indicam que iniciou no Aterro Sanitário da cidade que possui uma área de mais de 10 alqueires.

“O fogo iniciou no Aterro Sanitário e passou para a chácara que fica antes da minha, depois passou para a do Pedro Antônio que foi a mais judiada e queimou os pastos. A minha tem acero na cerca e no momento do fogo parei a fábrica (Cerâmica) e formos para a divisa e, por sorte eu tinha negociado o sábado com os trabalhadores devido ao feriado da semana que vem”, disse Jaime Xavier.

Os chacareiros relatam que apenas neste ano já aconteceram três queimadas naquela localidade todos saindo do Aterro Sanitário. Esta última, foi a que causou mais prejuízos e para o controle tiveram que unir foças com a equipe do Corpo de Bombeiros. Outro fato curioso é que as queimadas sempre acontecem durante os finais de semana, nos sábados e domingos.

“A notícia mais triste é que nós pegamos um tamanduá com o pelo todo queimado e na divisa da minha chácara tinha outro”, disse Jaime Xavier.

Números

Segundo informações Instituto Brasileiro de Pesquisas Espaciais (INPE) no mês de agosto foram registrados no Tocantins 3.532 focos de incêndios, número que superar os últimos cinco anos e, tendo agosto como referência. Somente nos primeiros três dias de setembro foram registrados 527 focos. São números que colocam o Tocantins na quarta posição dos Estados brasileiros com o maior número de queimadas, de janeiro a setembro deste ano. O INPE mostra ainda que, no período de 01 de setembro a 03 de setembro, Lagoa da Confusão ocupa a 5ª posição entre os 10 município brasileiros com mais focos acumulados neste mês

Deixe Sua Opinião Ela é Importante Para Nós

Tags

Sobre o Autor

Atitude Tocantins

Ao desenvolvermos as seções de Agronegócio, Cidades, Opinião, Social, Cultura, Educação e Esporte, Meio Ambiente e Política procuramos atender a necessidade do público em ser informado sobre os acontecimentos locais, regionais ou próximos à comunidade.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *