Gurupi 61 anos | Logística é a palavra chave para o desenvolvimento de Gurupi, defende Eduardo Fortes - Atitude Tocantins
Gurupi 61 anos | Logística é a palavra chave para o desenvolvimento de Gurupi, defende Eduardo Fortes
Eleições Política Tocantins

Gurupi 61 anos | Logística é a palavra chave para o desenvolvimento de Gurupi, defende Eduardo Fortes

Gurupi 61 anos | Logística é a palavra chave para o desenvolvimento de Gurupi, defende Eduardo Fortes
Avalie esse post

O vereador e médico veterinário, Eduardo Malheiros Ribeiro Fortes (PSDB), conhecido como Eduardo Fortes, nasceu no dia 29 de setembro de 1979 na cidade de São Joaquim da Barra (SP) e mora em Gurupi há 12 anos.

por Wesley Silas

Em meio há tantos nomes que sinalizam a intenção de disputar as eleições municipais de Gurupi, o eleitor sabe que muitas pré-candidaturas poderão ser dissolvidas ou afuniladas até as convenções; mas, enquanto cada um busca ocupar espaço com seus discursos incomuns voltados à vida dos gurupienses, o Portal Atitude dá a oportunidades para que os gurupienses reflitam, sem falsas ilusões de propagandas imediatas, para abrir um debate autêntico nas rodadas de conversas sobre o que eles propõem, estão dentro do que a cidade necessita para seu futuro e se os nomes colocado na mesa possam ter ou não a confiança do leitor.

O vereador e veterinário, Eduardo Fortes (PSDB) é o terceiro a fazer uma breve relato sobre o que ele pensar para Gurupi. O primeiro entrevista foi a  o empresário e presidente da ACIG, Adailton Fonseca (sem partido), depois foi a vez do professor de educação física, Eder Martins Fernandes (PROS), conhecido como Edinho Fernandes, e a terceira liderança da nova política de Gurupi a se manifestar e comentar sua intenção para disputar a eleição, foi único vereador de oposição, Sargento Jenilson.

Eduardo Fortes (PSDB) é um nome ligado ao grupo da família Stival e o seu nome tem crescido na cidade devido as várias ações sociais voltadas a doação de alimentos para famílias carentes e entidade, assim como o apoio que ele tem dado ao futebol de várzea. Como tucano autêntico, ele nuca mudou de partido e, apesar de ter seu nome citado nos bastidores como a segunda carta, após o nome do empresário Oswaldo Stival (PSBB), ele defende que ainda é cedo para definir sua pré-candidatura e que só irá tomar alguma decisão em 2020, após reunir com o partido por meio do seu grupo e se a conjuntura política permitir, pois serão fatores definitivo para dar “andamento na evolução e trabalho realizado pela atual gestão”.

 “O objetivo é trazer pra Gurupi uma política inovadora, transparente, e com mais valores, aproveitando a localização privilegiada que Gurupi ocupa no cenário nacional para desabrocha-la, e ser um polo farto de emprego, até mesmo para as cidades periféricas. O que se reverte em saúde estruturada, educação de qualidade, pavimentação, segurança pública e demais necessidades da população. Tudo isso pode vir de empregos e um polo indústria fomentado”.

Apesar de negar, parcialmente, sua pré-candidatura, as falas de Eduardo Fortes mostram que há uma dissonância entre o discurso de cautela e suas ações que podem ser interpretadas como uma preparação de solo para ter êxito na colheita de 2020.  

“Um candidato completo tem que ter uma visão global, devendo se atentar para ambos segmentos com eficiência. Embora saibamos com o desenvolvimento econômico consequentemente teremos estrutura para alavancar o social”, concluiu Eduardo Fortes.

Espaço continua aberto até o dia 14 de novembro quando acontece o aniversário de Gurupi

Seguindo a proposta de saber um pouco sobre o que pensa novas lideranças política de Gurupi, o espaço continuará aberto até o dia 14 de novembro para Gleydson Nato (PHS), Gutierres Torquato (PSDB), Walter Júnior (MDB) Valdônio Rodrigues (PSB) e para os advogados e professores, Kita Maciel (PSB) e Sávio Barbalho (PT). Entre os nomes citados apenas Gleydson Nato (PHS), Gutierres Torquato (PSDB) e Walter Júnior (MDB) ainda não se manifestaram.

Deixe Sua Opinião Ela é Importante Para Nós

Tags

Sobre o Autor

Atitude Tocantins

Ao desenvolvermos as seções de Agronegócio, Cidades, Opinião, Social, Cultura, Educação e Esporte, Meio Ambiente e Política procuramos atender a necessidade do público em ser informado sobre os acontecimentos locais, regionais ou próximos à comunidade.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *