Empresária de Peixe reclama aumento de, praticamente, 100% da tarifa de água - Atitude Tocantins
Empresária de Peixe reclama aumento de, praticamente, 100% da tarifa de água
Cidades Destaques Notícias Peixe

Empresária de Peixe reclama aumento de, praticamente, 100% da tarifa de água

Empresária de Peixe reclama aumento de, praticamente, 100% da tarifa de água
Avalie esse post

Apesar da concessionária de água, BRK Ambiental, não fornecer esgoto sanitário na cidade, empresários da cidade de Peixe estão amargando aumento na tarifa de água, a empresa fornecedora da água tratada justifica que o aumento na tarifa foi não devido ao consumo ou reajuste de preços autorizado pela agência reguladora (ATR); mas, decorrente a expansão da estrutura física do imóvel promovida pela comerciante.

por Wesley Silas

 A comerciante Gilvânia da Silva Ramos possui uma loja de venda de roupas na Avenida Aeroporto em Peixe. Ela enviou à redação do Portal Atitude cópias de duas contas de água que comprovam o mesmo consumo de água em dois meses consecutivos com aumento de R$ 59,99 para R$ 119,13.

“Aqui em Peixe as pessoas estão reclamando devido o comércio pagava R$ 60,00 de tarifa de água e de uma outra para outra a BRK Ambiental aumentou para R$ 119,00 e não comunicou para ninguém que iria aumentar e, simplesmente, ela dobrou o valor e eu acho isso um absurdo. Nós que temos comércio em Peixe, cada um, não gasta nem 2 mil litros de água por mês. Na realidade estamos indignados com uma coisa desta porque nem o salário mínimo e  a inflação anda subindo desta forma, enquanto isso a concessionária dobra o valor da tarifa”, disse Gilvânia.

O que a BRK Ambiental diz:

Em nota, a BRK Ambiental justificou que a cobrança de água, no caso dos comércios, independe do que foi consumido e quando o empresário aumenta a estrutura física existe um gatilho para que o valor da tarifa também aumente.

 “A BRK Ambiental esclarece que pequenos comércios, que atendam a critérios específicos, podem ser enquadrados em uma tarifa comercial reduzida. Entretanto, alterações na configuração do empreendimento ou do imóvel, como sua ampliação, podem resultar na mudança de categoria e suspensão do benefício, com a cobrança da tarifa regular. Para esclarecer eventuais dúvidas e verificar a fatura, uma equipe da concessionária entrará em contato com a cliente”, disse.

Após questionamentos da reportagem do Portal Atitude, a concessionária enviou um equipe em Peixe para acompanhar o caso da empresária Gilvânia Ramos.

“Eles vieram de Gurupi para resolver este problema aqui em Peixe. Não concordei com nada do que eles me disseram sobre há quantos tempo que eu estou neste ponto comercial e alegaram que eu teria crescido o meu estabelecimento e por isso a taxa teria aumentado. Realmente eu aumentei a loja, mas ninguém veio aqui veio nos informar. Depois eles pediram desculpas, deixaram uma notificação e garantiram que no mês de novembro a taxa irá voltar a ser cobrada no valor anterior (R$ 59,99)”, disse e empresária.

Deixe Sua Opinião Ela é Importante Para Nós

Tags

Sobre o Autor

Atitude Tocantins

Ao desenvolvermos as seções de Agronegócio, Cidades, Opinião, Social, Cultura, Educação e Esporte, Meio Ambiente e Política procuramos atender a necessidade do público em ser informado sobre os acontecimentos locais, regionais ou próximos à comunidade.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *