Chegou o momento de políticos e entidade elaborarem “a Carta de Compromisso por Gurupi” em defesa de velhos problemas - Atitude Tocantins
Chegou o momento de políticos e entidade elaborarem “a Carta de Compromisso por Gurupi” em defesa de velhos problemas
Cidades Destaques Gurupi (TO) Notícias

Chegou o momento de políticos e entidade elaborarem “a Carta de Compromisso por Gurupi” em defesa de velhos problemas

Chegou o momento de políticos e entidade elaborarem “a Carta de Compromisso por Gurupi” em defesa de velhos problemas
Avalie esse post

Não é só a bandeira da Transbananal! Este despertar dos olhos de autoridades do Governo Federal para Gurupi e região sul na grande audiência pública com promessas de liberação da Transbananal, merece abrir uma agenda paralela com ministro da Infraestrutura, Tarciso Gomes de Freitas, para sensibilizar o Governo Federal sobre a importância de obras como a duplicação da BR-153, Alça Viária para ligar a BR-242 com a BR-153 e a conclusão da travessia urbana desta rodovia em Gurupi.  

por Wesley Silas

A audiência pública acontece nesta sexta-feira (18), às 9h, no Centro de Convenções Mauro Cunha em Gurupi, onde será tratado a construção da rodovia TO-500 (travessia da Ilha do Bananal), na divisa do Tocantins com o Mato Grosso. Estarão presentes o Ministro de Infraestrutura- Tarcísio Gomes de Freitas; o Presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai) – Marcelo Augusto Xavier; o Presidente do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) – Eduardo Bim; os Governadores de Tocantins e do Mato Grosso, Mauro Carlesse e Mauro Mendes e o Procurador Álvaro Manzano, da Procuradoria da República no Tocantins.

Políticos e entidades em defesa da Transbananal

A sugestão da audiência foi do vereador, André Caixeta (PSB) para a senadora Kátia Abreu (PDT) que conseguiu aprovar na Comissão de Infraestrutura do Senado Federal a vinda do Ministro de Infraestrutura- Tarcísio Gomes de Freitas e demais representantes do Governo Federal.  A colaboração e participação do Governo Tocantins, Assembleia Legislativa, Prefeitura de Gurupi e entidades que representam o segmento empresarial como a ACIG, CDL e Fecomércio, mostra um união que há muitos anos não acontecia em Gurupi em defesa do fortalecimento econômico da região sul do Tocantins.

Carta por Gurupi

A união da classe política com os segmentos empresariais caminha para quebrar a incoerência entre o discurso e a prática verbalizada por décadas nos palanques políticos no painel do poder econômico-político da região. O primeira união em defesa incomum foi mostrada no início de setembro deste ano após a audiência Pública promovida pela Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT) que jogou um “balde de água fria” ao anunciar que minuta do edital prevê a duplicação da BR-153 em até duas décadas, sem previsão da Alça Viária ligando a BR-153, assim como a conclusão da travessia urbana de Gurupi.

Um mês depois acontecer a declaração de representantes da concessionária Rumo S.A, responsável pela ferrovia Norte-Sul, sobre a possibilidade de abertura de um novo pátio multimodal nas proximidades de Figueirópolis, deixando empresários de Gurupi preocupados por enfraquecer o Pátio Intermodal da Ferrovia Norte Sul em Gurupi (TO), concedido para Porto Seco. “O pátio de Gurupi será bem menor, enquanto o pátio grande será em Figueirópolis”, disse uma fonte do portal Atitude ligada a Rumo em recente matéria veiculada. 

Em boa hora, portanto, vale a pena colocar estas demandas em uma “Carta de compromissos por Gurupi” para que o Governo Federal reveja estes velhos problemas vividos pelos moradores da região Sul do Tocantins.

Deixe Sua Opinião Ela é Importante Para Nós

Tags

Sobre o Autor

Atitude Tocantins

Ao desenvolvermos as seções de Agronegócio, Cidades, Opinião, Social, Cultura, Educação e Esporte, Meio Ambiente e Política procuramos atender a necessidade do público em ser informado sobre os acontecimentos locais, regionais ou próximos à comunidade.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *