Blogueira de turismo destaca as potencialidades do município de Peixe - Atitude Tocantins
Blogueira de turismo destaca as potencialidades do município de Peixe
Destaques Estado Notícias

Blogueira de turismo destaca as potencialidades do município de Peixe

Blogueira de turismo destaca as potencialidades do município de Peixe
Avalie esse post

A blogueira e viajante profissional, Luisa Galisa, e que é colunista da Revista Qual Viagem e do site Leve na Viagem, esteve na cidade de Peixe, sul do Tocantins e apresentou aos seus leitores e seguidores as belezas naturais da cidade. “Essa pequena cidade do Tocantins tem um dos maiores arquipélagos fluviais do mundo, o Tropeço, com mais de 360 ilhas. São praias de rio, ilhas de areia branca, gastronomia tradicional e cultura raiz no mesmo lugar. Não me canso de me surpreender com esse estado que, a cada viagem, me encanta com sua diversidade e beleza natural”, relata.

Da Redação

Em seu site Leve na Viagem, Luisa destacou que em Peixe têm muitas praias que você pode explorar. “A principal praia da cidade está na frente do Hotel Rosa de Fogo e fora do mês de julho (alta temporada), é de uma calmaria sem fim; fora as tantas ilhas que o arquipélago Tropeço esconde e que permitem que você passe o dia fazendo paradas em bancos de areia e ilhas com mata densa e verde vivo”, escreveu. Confira relatos da blogueira.

Quando ir

O período ideal é de abril a junho, pois julho é a alta temporada e a praia da cidade fica um fervor de shows e atrações. Para terem ideia, é montada uma grande estrutura que abarca boate, banheiros, palcos, restaurantes e tudo mais, o que transforma a calmaria do lugar em um grande evento. Se você busca tranquilidade, recomendo que vá em outro mês. Outra época boa é de agosto a outubro, quando as chuvas ainda não começaram e o destino está praticamente vazio. Período de chuva é entre novembro e março, portanto, não vale ir nessa época.

Foto Flávio Cavalera

 

Eco Praia da Tartaruga

É a principal da cidade e está só a 130m da Pousada Rosa de Fogo e a 5km do centro de Peixe. Formada por um banco de areia banhado por águas transparentes do Rio Tocantins, tem pontos específicos de desova de tartaruga no mês de setembro.

Arquipélago do Tropeço

Com mais de 360 ilhas, das inabitadas às com mais estrutura, é de uma beleza ímpar. O passeio de barquinho pelo Rio Tocantins acima é feito pelo Dinei, um querido local que ama o que faz. O valor do passeio é R$ 450 o barco. Saindo da Pousada Rosa de Fogo, passamos por cantos lindos e pequenas ilhotas desertas com diversas tartarugas pegando sol em pedras. Você pode escolher em qual parar para dar um mergulho. O almoço é em uma das ilhas e conta com peixe fresco e as delícias da Rosa.

Em Peixe o turista encontra várias ilhas com praias, durante os meses de junho a setembro. (Foto Régis Caio)

Se gostar de mergulho, é possível nadar com snorkel e nadadeira à procura dos diversos peixes locais e até botos. Ou ainda, fazer a flutuação para observar peixes no rio, com orientação do Dinei, e sentir a correnteza (sem perigo) te levar rio abaixo. É uma atividade de contato com a natureza e para quem gosta de sol.

Boia Boat e Boia Cross

O primeiro é para os que gostam de aventura. Uma boia é presa ao barco e puxada pelo rio em alta velocidade. Tive essa experiência no pôr do sol e foi incrivelmente lindo e gostoso! Confesso que ficaria horas fazendo, apesar do frio na barriga. Tem a segurança necessária de colete, boia revisada e cordas em bons estado. Valor: R$ 30 – 10 minutos.

Foto Flávio Cavalera

Outra opção, mais light, é o bóia cross de contemplação do rio. Ele desce na rampa principal da cidade e é levado pela própria correnteza do Rio Tocantins durante 40 minutos, até a Pousada Rosa de Fogo. Não tem velocidade nem adrenalina, é apenas contemplativo e para um pôr do sol pode ser uma bela pedida. Fiz os dois no mesmo horário e realmente é o momento ideal. Valor: R$80.

Pescaria no Rio e/ou Lago

A 45 km do centro de Peixe tem um grande lago construído por conta da usina hidrelétrica que tem na região. O lago inundou uma área extensa e formou uma bela paisagem de troncos de árvores que morreram. Apesar do grande cemitério de árvores, ali ainda floresce vida em diversas orquídeas que nascem dos troncos cinzas. De águas clara, é ideal para pescaria e leva turistas de vários lugares do Brasil para essa atividade.

Foto Régis Caio

Também fiz o passeio com Dinei e aprendi a pescar, pela primeira vez. Estávamos atrás do Tucunaré Azul, famoso na região e em grande quantidade no lago. É possível, também, mergulhar e nadar em pequenas prainhas que são formadas na beira do lago. O passeio dura cerca de um turno e é para os que curtem sol. O ideal é ir o mais cedo possível para não durar muito no sol escaldante do Tocantins. Pescando, é só ser feliz para preparar seu peixe fresco e almoçá-lo. O valor do barco para esse passeio é R$1.300 para 2 pessoas. Está incluído cerveja, água, refrigerante, frutas e almoço. A pesca no Rio Tocantins custa R$1.100 com a mesma política do Lago.

Há ainda visitas de base comunitária que valem a sua visita

Assistir à Suça, dança tradicional que carrega história e ainda é apresentada por jovens  da região. É uma das manifestações mais antigas do Tocantins. Uma herança de descendentes africanos que foram trabalhar como escravos no século XVIII ao som de pandeiro, viola e tambores. Pude assistir a uma apresentação em uma das praças da cidade.

Foto Flávio Cavalera
Conhecer o famoso pão da Vó Olga e do Vô Mané, que é simplesmente MARAVILHOSO. Um deles é sem leite e sem fermento, e juro para vocês, surreal de bom. Nunca comi tanto pão na minha vida como em Peixe!
E também as peças de barro da Dona Luzanira, conhecida como Dona Luza dos Potes, todos feitos à mão e sem molde, ou seja, cada um é um peça única. Tímida, mas uma grande artista, vive de sua arte que ainda precisa ser mais valorizada pelos turistas que ali estão.

Deixe Sua Opinião Ela é Importante Para Nós

Tags

Sobre o Autor

Atitude Tocantins

Ao desenvolvermos as seções de Agronegócio, Cidades, Opinião, Social, Cultura, Educação e Esporte, Meio Ambiente e Política procuramos atender a necessidade do público em ser informado sobre os acontecimentos locais, regionais ou próximos à comunidade.

Adicionar Comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *